Quais São as Funções de um Gestor de Recursos Humanos e Quais são seus Principais Pilares de Apoio!

O blog SuperVendedores está apresentando uma série de posts com o objetivo de auxiliar as empresas que buscam a excelência no recrutamento e seleção de novos talentos para a área de vendas. E já chegamos à conclusão de que há grandes vantagens de um RH bem estruturado, ele é uma ferramenta preciosa na busca de um gestor de Recursos Humanos por novos colaboradores.

No entanto, não é só no momento da contratação de funcionários que o departamento de recursos humanos é importante. Com ele, como já vimos, podemos potencializar a busca por aumento de produtividade, diminuir a taxa de demissão de contratações recentes e garantir melhoras no ambiente de trabalho.

Neste post, vamos detalhar as funções de um gestor de recursos humanos para entender melhor o potencial que ele tem para alavancar as nossas vendas.

As funções de um gestor de recursos humanos:

Recrutamento e seleção

Quem não tem um setor de RH, tem que se virar! Afinal, em muitos momentos a empresa precisa ir ao mercado em busca de novos profissionais. Seja por turn over, seja pela ampliação de um determinado departamento. No entanto sabemos que há todo um processo que toma tempo e dinheiro. Ter um setor de RH na sua empresa (mesmo que seja composto por apenas uma pessoa) vai trazer expertise. E, ainda, ampliar a possibilidade de acerto nesta nova contratação.

Treinamento e capacitação

Não basta contratar bem, tem que cuidar bem do colaborador. Na mesma medida em que se deve cobrar melhores resultados, deve-se também oferecer condições de aprimoramento. Isso, para que o funcionário possa entregar estes resultados. Entre as funções de um gestor de recursos humanos está, justamente, compreender os objetivos da empresa. Além disso, deve promover o treinamento e a capacitação dos funcionários para que eles possam entregar o resultado esperado.

Remuneração e benefícios

Seguindo o fio condutor: contratamos bem, treinamos e capacitamos um determinado colaborador, agora é a hora de mantê-lo dentro da sua equipe. Lembre-se que, a partir do momento que você o treinou,  que ele apresenta mais e melhores resultados, este funcionário passa a ter mais valor e em algum momento pode vislumbrar uma oportunidade melhor no mercado de trabalho. O gestor de RH da sua empresa é o responsável por criar um plano de remuneração e benefícios que mantenha este funcionário motivado, sem que o impacto seja negativo para a empresa.

Plano de carreira

Todos esperam reconhecimento pelos resultados que apresentam e pelo trabalho que é realizado. Um gestor de rh deve traçar um plano de carreira adequado para cada funcionário. Deve entender como ele está se capacitando e qual o impacto que isto representa sobre os resultados apresentados. Entender as ambições de cada colaborador. E, ainda, o momento certo de lhe dar um cargo maior garante sucesso e motivação da equipe.

Por isso, muitos empresários consideram os custos com um gestor de rh mais como um investimento do que com um gasto. Ele é alguém que pode reconhecer como melhor lidar com que o material (recurso) humano. E, também, como ele pode ser direcionado para a obtenção de resultados. Portanto, este modelo de gestão de pessoas é extremamente benéfico para as pessoas e a organização.

Até a próxima!